0
0
0
s2sdefault

Foto: PJCQUERÊNCIA - Quinze mandados de busca e de apreensão foram cumpridos pela Polícia Civil, na manhã desta quarta-feira (16.09), durante a Operação "Asfixia" deflagrada nos municípios de Ribeirão Cascalheira, Querência e Canarana para desarticular uma organização criminosa instalada na região. Na ação oito pessoas foram presas em flagrante e entorpecentes e dinheiro apreendidos.

Os mandados de busca e apreensão domiciliares foram representados pela Polícia Civil, após investigações sobre recentes ações criminosas de integrantes de uma facção criminosa na região do Médio Araguaia. Com base nas investigações, as ordens judiciais foram decretadas pelos juízos das respectivas Comarcas para buscas nos endereços dos suspeitos.

Na cidade de Ribeirão Cascalheira, três pessoas foram conduzidas. Um delas foi autuado em flagrante por posse ilegal de arma de fogo de uso permitido. Em poder do homem, que tem diversas passagens criminais, foi apreendido um revólver calibre 38, além da quantia de R$ 47 mil em dinheiro e cheques. Após a confecção dos autos foi arbitrada a fiança no valor de R$ 10 mil.

Já os outros dois envolvidos, também com passagens pela polícia, foram presos em flagrante por tráfico de drogas. Com eles foram encontrados entorpecentes e cerca de R$ 1,6 em dinheiro. Ambos foram autuados e posteriormente encaminhados para uma unidade prisional.

No município de Querência, um homem e uma mulher foram presos também por tráfico de drogas e associação criminosa, organização criminosa, corrupção de menor. Na ação, foram apreendidos aproximadamente R$ 6,5 mil em dinheiro. Três adolescentes foram conduzidos à delegacia para esclarecimentos por indícios de ligação com o crime organizado.

Em Canarana, dois homens foram presos em flagrante por tráfico de drogas, após serem surpreendidos com várias porções de maconha, totalizando mais de 1 quilo do fumo, além de um pé de maconha, balança de precisão e R$ 400 em dinheiro.

Em um endereço alvo de ordem judicial, em Canarana, foram apreendidos vários objetos sem comprovação fiscal. Um homem foi conduzido para apuração de possível envolvimento com o crime de receptação.

O trabalho operacional contou com apoio da Gerência de Operações Especiais (Goe) e da Polícia Militar. Participaram mais de 40 policiais para fortalecer as ações de combate ao crime organizado na regional de Água Boa. (Assessoria de Comunicação Polícia Judiciária Civil)

===================================================================

Foto: Michele SoaresQUERÊNCIA – A Polícia Judiciária Civil (PJC) deflagrou na manhã desta quarta-feira (16/09) a Operação Asfixia, em todo o Vale do Araguaia.

Em Querência, oito pessoas foram conduzidas à delegacia por envolvimento com tráfico de drogas e associação com organização criminosa.

A Operação foi deflagrada sob o comando do delegado Gutemberg Lucena, de Água Boa.

Foram apreendidos drogas, celulares e mais de oito mil reais em espécie, além de um simulacro de pistola, durante a operação.

A PJC contou com o apoio do Grupo de Operações Especiais (GOE) da Polícia Civil de Cuiabá.

A Operação Asfixia, que visa combater o tráfico de drogas e organização criminosa na região do Vale do Araguaia, deve prosseguir até o final deste mês de setembro.

Os trâmites referentes à operação estão em andamento. Mais informações nas próximas horas.

Veja Também

Policial
  • 18 Agosto 2020
  • Por Inácio Roberto

Operação da Funai em conjunto com a PM prossegue

Atualizada dia 18 ago   QUERÊNCIA - Na tarde de hoje, dia 18/08 a Guarnição composta pelo 2• Ten PM Hennes, SD PM Gabriel, SD PM Marcos Antônio, e o Chefe do Serviço de Gestão Ambiental e Territorial...

Gerais
  • 28 Setembro 2020
  • Por Redação Interativa

Dia Mundial de Luta contra a Raiva

A raiva é uma zoonose causada por um vírus que infecta animais domésticos e selvagens, e se transmite às pessoas pelo contato com a saliva infectada através de mordidas ou arranhões. Os cães são os...